01/09/10

pensar em ti.

Penso muitas vezes em ti.
Estás nas musicas que oiço, no ar que respiro e vejo-te à janela, a fumar um cigarro. as musicas cantam-me ao ouvido coisas lindas que falam de ti e de nós e eu sorrio na minha solidão porque sei que nunca mais me vou sentir sozinha, mesmo que estejas do outro lado mundo à procura dos teus sonhos e distraído com outras raparigas que não fazem a mínima ideia quais são as musicas que ouves e que gostas.
Andas por aqui, às vezes vejo-te a abraçar-me com cuidado enquanto escrevo, ou a aconchegar-me com os teus casacos como fazias, momento exacto que antecede a paz do sono perfeito. Depois sais sem fazer barulho e metes-te outra vez no avião e eu fico a ver-te voar, e no dia seguinte acordo como se o mundo começasse outra vez.
É bom ter-te na minha vida silencioso e secreto, como quem escolheu o seu lugar do lado de fora. E eu sou a rapariga que gosta de voar e que te vê acima do mundo, enquanto a vida me leva e traz as coisas boas e más, num movimento suave do qual nunca quero descansar...
Ou então, quando as luzes se apagam e e eu descanso no meu sono perfeito, no silêncio merecido, estás ali ao lado e, sem fazer barulho, tapas-me a boca e mostras-me outra vez os movimentos perfeitos que me podem fazer voar melhor isto em terra e é então que me crescem umas asas e dou muitas voltas no ar,de repente saio do meu corpo e as nossas almas dão as mãos e transformam-se numa só por breves instantes, e é a isso que os deuses chamavam eternidade.
Pois é, pois é, há quem ande escondido a vida inteira, mas adoro o teu andar inseguro e o sorriso no teu olhar, porque tu despertaste em mim um ser mais leve e mesmo que tenhas as duas almas em guerra e não saibas quem vai ganhar, eu sou a tua estrela do mar e eu sou essa miúda que te faz acreditar que o sol é um presente que alguém enviou  principalmente para ti.
Na terra dos sonhos podes ser quem tu és, agarras-te à hora em que o tempo não passou e juntos inscrevemos no espaço um novo alfabeto. Já passaram mil anos sobre o nosso encontro, mas o tempo não sabe nada, o tempo não tem razão, porque não há passo divergentes para quem se quer encontrar e enquanto houver estrada para andar, a gente vai continuar. E mesmo que me tenhas ensinado a partir nalguma noite triste, eu ensinei-te a chegar e pus-te a salvo para além da loucura e ensinei-te a não esquecer que o meu amor existe.
Portanto, nao te esqueças daquilo que te ensino e ensinei que eu faço o mesmo, e mais uma vez : ainda penso muito em ti.

5 comentários:

  1. oh , pensei que fosses para a esg :/

    ResponderEliminar
  2. diz-me o nome da tua musica sff.
    ass: potter (:

    ResponderEliminar
  3. é esta : DJ Marky feat. Stamina MC- LK 'Carolina Carol Bela'

    ResponderEliminar